Consórcio automotivo e financiamento – Quais as melhores alternativas?

Muitas pessoas ficam em dúvida na hora de escolher entre consórcio automotivo e financiamento para comprar o carro próprio. 

Embora as duas opções sejam indicadas para quem não tem todo o valor à vista, cada uma tem suas particularidades.

Quem não tem pressa em ter o veículo pode optar pelo consórcio. Já aqueles que têm urgência, o financiamento é o mais indicado. No entanto, isso pode ter um preço alto.

Como o consumidor pega o carro no ato da compra e tem até 60 meses para pagar, essa última modalidade tem juros e outras taxas. 

Já o consórcio é livre de juros, mas é preciso pagar uma taxa de administração e o cliente pode demorar a ter o automóvel.

Agora, se você ainda não conseguiu decidir entre o consórcio automotivo e o financiamento, continue lendo esse artigo que o Grupo Capital DF preparou para você.

Quais os principais motivos para fazer um consórcio automotivo?

O consórcio de veículos consiste em um grupo de pessoas que se unem para adquirir um carro com a mesma faixa de valor e sob as mesmas condições.

Entre os principais motivos para escolher um consórcio, está o fato de que ele não tem juros ou outras tarifas comuns em financiamentos, apenas uma taxa administrativa.

Como cada consorciado contemplado recebe uma carta de crédito com o valor integral do veículo que deseja comprar, ele realiza o pagamento à vista. 

Isso é possível através do caixa formado pelo pagamento das prestações por cada pessoa do grupo.

Além disso, essa modalidade é mais flexível, uma vez que o consumidor tem a possibilidade de escolher o tipo de carro que deseja e sua faixa de preço, valor da parcela e o prazo de pagamento.

Caso o consorciado mude de ideia, poderá usar a carta de crédito para comprar um outro modelo de carro. 

Todavia, ainda pode usar até 10% dela para pagar despesas, como transferências de propriedade, tributos, registros cartoriais, instituições de registros e até o seguro.

Qual a diferença entre consórcio automotivo e financiamento?

Antes de decidir entre o consórcio automotivo e o financiamento para realizar o sonho de ter o carro próprio, é fundamental entender as principais diferenças dessas modalidades.

1. Juros

A principal diferença entre fazer um consórcio automotivo e financiamento é a taxa de juros. Enquanto na primeira modalidade ela não existe, na segunda pode chegar até 26% ao ano.

No início deste ano, as taxas de juros para financiamento eram de  0,78% a 3,83% ao mês, de acordo com o Banco Central (BC). Com a pandemia, esse percentual ficou entre 1,38% e 1,36% ao mês ( em média 17,60% ao ano)

Apesar da taxa ser a menor dos dez últimos anos, ela ainda pesa no bolso do consumidor, pois é calculada em cima do valor do veículo. 

Portanto, se o carro desejado for mais caro, os juros e as parcelas também serão.

2. Taxa de Administração

Embora o consórcio de veículos não possua juros, as instituições financeiras cobram uma taxa administrativa para organizar os grupos de consórcios e garantir que todos cumpram o pagamento das parcelas.

De acordo com o BC, a taxa média de administração para grupos de automóveis foi de 16,4% em 2019. No entanto, esse valor corresponde à todo o período do consórcio. Dessa maneira, se ele é de 80 meses, essa taxa será de aproximadamente 0,20% ao mês.

Já ao fazer um financiamento para adquirir um carro próprio, você pode pagar pela tarifa de cadastro, registro de contrato, serviços de terceiros, inserção de gravame, entre outros. Quase sempre os bancos repassam essas taxas ao consumidor, apesar deles serem responsáveis por elas.

3. Forma de pagamento

Ao fazer parte de um grupo de consórcio de automóveis, o consorciado paga as parcelas mensalmente, mas só recebe a carta de crédito para comprar o veículo quando for sorteado. 

Entretanto, ele pode oferecer um lance e antecipar a sua contemplação com a carta.

As prestações do consórcio podem sofrer alteração ao longo do período do contrato. Isso acontece pois o valor do carro pode variar. 

Assim, se o preço aumentar, a parcela sobe. Porém, se ele cair, a redução também reflete no valor das mensalidades.

Agora, se o consumidor optar pelo financiamento de veículo, ele pode escolher entre o Crédito Direto ao Consumidor (CDC) e o leasing.

No primeiro, ele realiza um empréstimo bancário para adquirir o veículo, que fica em sua posse. 

No entanto, o carro fica alienado ao banco até o pagamento de todas as prestações. Portanto, não pode ser vendido para terceiros.

Já o financiamento por leasing consiste na modalidade em que uma empresa (geralmente um banco que trabalha com esse serviço) compra o carro e o aluga ao consumidor.

Quando o consórcio automotivo vale a pena?

O consórcio de veículos vale a pena quando o cliente não tem condições para comprar a vista ou dar a entrada, mas também não tem urgência em ter o carro.

Essa é a opção mais viável para quem não tem controle financeiro para poupar dinheiro, pois o consórcio funciona como uma poupança forçada, necessária para a realização do sonho de ter um carro próprio.

Além disso, ele vale a pena quando a pessoa não quer pagar taxas ou juros altíssimos para comprar um veículo.

Consórcio automotivo e financiamento – Qual a melhor alternativa? 

Embora o financiamento possibilite que o consumidor saia da concessionária com o carro, o consórcio de veículos é a opção com o melhor custo-benefício.

Afinal, o cliente não paga juros mesmo o valor do veículo sendo parcelado integralmente. E ainda que exista uma taxa administrativa no consórcio, ela é bem menor se comparada com as do financiamento.

Ainda assim, o consorciado também tem a possibilidade de antecipar as parcelas através de lances e assim pegar a carta de crédito antes de ser contemplado.

Dessa forma, essa modalidade também é vantajosa para quem consegue guardar dinheiro ou tem uma certa quantia. 

Uma vez que essas pessoas podem dar lances e pegar a carta de crédito logo nos primeiros meses do contrato.

Agora, se você ficou interessado em realizar um consórcio automotivo, fale com a central de atendimento do Grupo Capital DF para saber qual opção melhor se encaixa em seu perfil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *