Imóvel pronto ou na planta? O que é melhor comprar em 2021?

Uma das maiores dúvidas de quem deseja morar no que é seu é escolher entre um imóvel pronto ou na planta. Isso porque os dois casos tem seus benefícios e algumas situações que também precisam ser levadas em consideração.

Ainda assim, a decisão precisa ser baseada nas prioridades de cada pessoa. Ou seja, a localização, forma de pagamento, tempo de mudança, entre outros.

Portanto, se você deseja saber qual é a melhor opção em 2021, e também possui esses questionamentos, continue lendo este artigo preparamos justamente para te ajudar a entender melhor esses conceitos.

 

Por que investir em um imóvel próprio?

Ter uma casa ou um apartamento é o sonho de muitas pessoas. Afinal, o valor gasto com aluguel é um dinheiro que não tem retorno. 

Além disso, esse tipo de aquisição costuma oferecer maior liberdade para fazer mudanças ou obras de acordo com as necessidades de sua família.

Do mesmo modo, investir em um imóvel pronto ou na planta é uma ótima forma para aumentar o patrimônio, pois ele só tende a valorizar a médio e longo prazo.

Nesse sentido, muitos optam por esse bem material na hora de investir por não apresentarem riscos bruscos, como ocorrem com ações ou títulos, por exemplo. 

Por outro lado, a compra do imóvel pode ser uma forma de ter uma fonte de renda extra caso suas metas e objetivos estejam relacionadas à lucratividade de longo prazo.

 

Imóvel pronto ou na planta? O que é necessário avaliar

Ter uma casa ou apartamento próprio tem muitos benefícios, no entanto, decidir entre comprar esse bem pronto ou na planta é preciso analisar alguns fatores, principalmente:

  • Tempo de entrega;
  • Formas de pagamento;
  • Metragem;
  • Bairro de localização.

E é sobre todos esses fatores que falaremos com maior profundidade a partir de agora!

Tempo de entrega do imóvel

Esse é um dos pontos mais decisivos para quem está em dúvidas entre o imóvel pronto ou na planta. Afinal, um apartamento ou casa leva no mínimo um ano para ser construído.

Dessa forma, se a pessoa tem urgência em sair do aluguel o mais indicado é optar pelo bem material já pronto. Isso porque depois de fazer o pagamento e resolver a parte burocrática, é só mudar.

Já o imóvel na planta é mais indicado para aqueles que têm outras prioridades, como viajar ou focar no crescimento profissional. 

Assim, tem mais tempo para se organizarem e não precisam de pressa. Esse tipo de compra também é recomendada para quem está planejando se casar.

Formas de pagamento

Na hora de decidir pelo imóvel pronto ou na planta também é importante avaliar as condições de pagamento.

A casa ou apartamento pronto normalmente precisa ser pago à vista. No entanto, é mais fácil negociar, principalmente se for direto com o proprietário. 

Já o imóvel na planta oferece mais facilidades em questão de pagamento. Como a construção envolve riscos, o valor da entrada gira em torno de 20 – 30% do total e ainda pode ser parcelado.

Além disso, o proprietário consegue parcelar essa despesa em até quatro anos e financiar o valor restante da casa ou do apartamento.

Metragem – imóvel pronto ou na planta

O tamanho do imóvel também é outro ponto importante. Na planta, é possível saber com antecedência qual será a metragem de cada cômodo e, assim, planejar os móveis e espaço. Em muitas construtoras é possível ainda solicitar pequenas alterações.

Por outro lado, quem compra uma casa ou apartamento pronto não tem essa facilidade e vai precisar se adequar a estrutura existente ou fazer uma reforma.

Dessa forma, é importante ter em mente quais são as suas necessidades. Geralmente é mais difícil encontrar um local com os aspectos que você precisa, como quarto para o futuro filho, escritório ou espaço de lazer.

Bairro em que está localizado

Por fim, também é fundamental analisar o bairro e o que ele oferece. Normalmente, os imóveis na planta estão localizados em setores novos, longe da região central das cidades.

Já casas e apartamentos prontos podem ser encontrados facilmente em qualquer lugar, independente se eles são novos ou usados.

 

Conheça os benefícios do imóvel pronto ou na planta 

Depois de analisar alguns fatores, analisar os benefícios de cada tipo de imóvel pode também ajudar a se decidir. 

Imóvel pronto

Comprar uma casa ou apartamento pronto tem diversas vantagens, principalmente para quem tem o dinheiro à vista e não vê a hora de sair do aluguel. Além de permitir uma mudança rápida, ainda oferece possibilidade de negociação.

Casa pronta para morar

Essa é a principal vantagem para quem tem pressa em se mudar rapidamente, mas ainda está na dúvida entre imóvel pronto ou na planta

Neste caso, não é preciso esperar finalizar o acabamento dos cômodos, assentar o piso ou ligar a energia, por exemplo.

Valores fixos

Quem compra um imóvel pronto não precisa se preocupar com balões, entrada ou valor para pegar as chaves. O preço apresentado é fixo e ainda pode ser negociado com o proprietário.

Maior agilidade para a mudança

Como a casa ou apartamento está pronto para morar, você e sua família podem mudar quando pagar e transferir a documentação. 

Não tem burocracia nem precisa esperar para pegar as chaves, como ocorre quando se compra um imóvel na planta.

Na planta

Quem compra um imóvel na planta consegue se organizar melhor para pagar o financiamento, tem preços mais acessíveis e ainda consegue personalizar a casa ou apartamento de acordo com o seu gosto. 

Veja a seguir.

Planejamento é a palavra da vez

Quem opta por comprar uma casa ou apartamento na planta ganha tempo para se organizar. Ou seja, consegue focar em outras prioridades, economizar dinheiro, bem como pensar na decoração, nos móveis, entre outros.

Como esse é um investimento a médio e longo prazo, o proprietário não tem pressa em se mudar logo. Portanto, consegue pesquisar as melhores opções, fazer um planejamento financeiro e até mesmo investir em outros produtos.

Valores mais acessíveis e pagamento facilitado

Embora o imóvel pronto tenha valores fixos, a vantagem de comprar um na planta está relacionado ao seu valor. As taxas cobradas no financiamento desses bens são mais suaves e reajustadas conforme o Índice Nacional da Construção Civil (INCC).

Além disso, existe a possibilidade de fazer um consórcio, como alternativa para guardar dinheiro, e amortizar as parcelas com a carta de crédito na entrega das chaves. Esse processo reduz o saldo devedor, bem como o tempo do financiamento.

Personalização

Por fim, ao optar por um imóvel na planta, o proprietário pode alterar o tamanho de alguns cômodos e customizar de acordo com o seu gosto. 

Dependendo da construtora, é possível escolher o revestimento, as cores, localização das tomadas, e outros fatores relacionados ao acabamento.

 

Qual a melhor alternativa? Imóvel pronto ou na planta?

Essa escolha depende muito das prioridades e necessidades de cada pessoa.  O imóvel pronto é mais indicado para quem tem dinheiro para comprar à vista, ou precisa se mudar rapidamente, seja porque a família aumentou ou deseja sair do aluguel.

Por outro lado, quem não possui todo o dinheiro e não tem pressa terá mais facilidade em comprar uma casa ou apartamento na planta.

Nesse caso, o consórcio imobiliário pode ser uma boa opção, uma vez que seu crédito pode ser usado para adquirir o bem em si ou ainda para amortizar parcelas do financiamento.

Logo, o mais indicado é analisar todos os fatores antes de escolher entre o imóvel pronto ou na planta

Se este é o seu caso, entre em contato com o Grupo Capital e conheça os planos que se encaixam com o seu perfil.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *