Conheça os melhores investimentos para 2021 de acordo com o seu perfil!

Aplicar o seu dinheiro em investimentos para 2021 é uma boa maneira para alcançar objetivos ou conquistar a independência financeira o quanto antes.

Embora estejamos no meio do ano, ainda é possível começar a investir e fazer o patrimônio crescer.

Por isso, se você deseja saber quais produtos financeiros são os mais indicados para este ano, continue lendo este artigo que o Grupo Capital preparou para você.

Por que investir em 2021? O que considerar?

Ter uma aplicação financeira é a melhor forma de fazer o seu dinheiro trabalhar para você. Afinal, os investimentos são capazes de proporcionar ganhos em menos tempo e multiplicar o patrimônio.

Quem consegue controlar as finanças e ainda aplicar parte do seu rendimento, tem mais facilidade em concretizar sonhos ou ainda se aposentar mais cedo.

Portanto, veja a seguir o que você precisa levar em consideração antes de escolher os melhores investimentos para 2021.

1. Objetivos

Primeiramente, é fundamental ter um destino específico para o dinheiro. Se você deseja realizar aquela viagem dos sonhos, o mais indicado são os investimentos de curto prazo.

Agora, se você quer um retorno financeiro para comprar uma casa em até dez anos, pode optar por uma aplicação de médio ou longo prazo.

Dessa forma, não escolha investimentos para 2021 de forma aleatória. Liste suas prioridades e seus desejos atuais. 

O estabelecimento de metas e objetivos impacta diretamente no tempo da aplicação, ou seja, se ela é de curto, médio ou longo prazo.

O ideal é que você entenda que os prazos estão diretamente relacionados aos seus objetivos.

2. Perfil do Investidor

Outro ponto importante na hora de escolher investimentos para 2021 é avaliar o seu perfil.

Se você não quer correr riscos, o mais indicado são as aplicações de renda fixa, ou seja, aquelas em que é possível determinar o seu rendimento no momento da contratação.

Por outro lado, os produtos de renda variável são os mais indicados para você que deseja aumentar o patrimônio em pouco tempo e não tem medo de se arriscar.

Existem três tipos de investidores:

  • Conservador;
  • Moderado;
  • Agressivo.

O primeiro é aquele tipo de pessoa que prioriza segurança. Portanto as aplicações mais indicadas são os CDBs, LCIs, LCAs e Tesouro Direto.

Os moderados são aqueles que gostam de ter segurança, mas não se preocupam tanto em correr riscos de longo prazo. 

Geralmente são pessoas que possuem um pouco mais de conhecimento sobre os investimentos para 2021 e gostam de equilibrar retorno financeiro e riscos.

Por outro lado, o investidor agressivo é aquele que quer viver de renda e busca sempre opções com boa rentabilidade. 

Desse modo, em busca de maiores ganhos, se arrisca mais ao optar por investir em ações, por exemplo.

3. Tempo

Por fim, antes de escolher um produto é importante analisar em quanto tempo o dinheiro pode ser resgatado com juros.

Da mesma forma, é importante observar a liquidez de cada investimento, se ela é diária ou tem um prazo específico.

Aplicações que podem ser resgatadas em pouco tempo, normalmente tem um rendimento menor. Além disso, quanto mais tempo o dinheiro fica aplicado, maior será o seu retorno.

Existem investimentos de curto prazo (um ou dois anos), médio prazo (dois a dez anos) e de longo prazo (maior de dez anos). 

Nesse sentido, os objetivos pessoais devem estar bem claros, para que se escolha uma aplicação com o prazo adequado e não precise tirar o dinheiro antes do tempo determinado. Afinal, isso pode impactar negativamente na rentabilidade.

 

Os melhores investimentos para 2021

Agora que você já sabe o que levar em consideração na hora de escolher sua aplicação, confira as melhores opções para este ano.

1. Renda Fixa

Essa é uma classe de investimentos em que o investidor conhece as condições, inclusive de rentabilidade, antes mesmo de aplicar seu dinheiro.

CDB’s

O Certificado de Depósito Bancário constitui uma das melhores opções de investimentos para 2021, principalmente para quem tem o perfil mais conservador.

Esse título é a forma que os bancos usam para captar recursos para desenvolver seus projetos. Logo, os investidores emprestam dinheiro a essas instituições e o recebem com juros depois de um tempo.

Com o CDB, a pessoa pode resgatar o dinheiro a qualquer momento. Embora ele tenha Imposto de Renda, quanto mais tempo o dinheiro fica aplicado, maior é o valor pago à Receita Federal.

A rentabilidade dessa aplicação depende se ele é prefixado (taxa fixa), pós-fixado (usa um indicador econômico como referência) ou atrelado a inflação.

LCI’s e LCA’s

As Letras de Crédito Imobiliário e as Letras de Crédito Agropecuário são títulos privados atrelados a operações de crédito desses setores, respectivamente.

Elas podem ser do tipo prefixado, pós-fixado e atrelado à inflação, e são livres de Imposto de Renda e protegidas pelo Fundo Garantidor de Crédito (FGC).

Apesar do prazo mínimo de vencimento de uma LCI ou LCA ser de 90 dias, esse período e o indicador de rentabilidade são decididos pela instituição emissora no momento da aplicação.

2. Fundos Imobiliários entre os melhores investimentos para 2021

Esse tipo de aplicação atende os três perfis de investidores, pois existem opções para quem busca mais segurança ou mais rentabilidade. Ainda assim, eles são de renda variável.

Na prática, os Fundos Imobiliários (FII) reúnem pessoas que querem aproveitar os resultados do mercado, mas sem precisar comprar um apartamento ou uma casa, por exemplo.

As cotas de cada investidor são administradas seguindo objetivos e políticas definidas previamente pela gestora.

3. Ações

Com esse tipo de aplicação, o investidor compra uma cota de uma empresa de capital aberto e recebe de acordo com os seus resultados. 

As ações são classificadas de renda variável pois o rendimento depende do cenário econômico e da atuação do negócio ao longo do período. Dessa forma, o ideal é estudar bastante o mercado antes de escolher esse como um dos investimentos para 2021.

Além disso, é importante procurar por empresas com boa gestão, sem dívidas e com uma boa margem de lucro.

4. investimentos em 2021 com Fundos Multimercados

Indicado principalmente para quem procura bons rendimentos, os Fundos Multimercados consistem em um tipo de aplicação feita em diferentes títulos (renda fixa, câmbio, ações, tesouro direto, entre outros).

A gestora reúne recursos de vários investidores para que sejam usados ao mesmo tempo no mercado financeiro de capitais. Nesse sentido, os ganhos e as perdas são compartilhados por todos, de acordo com o valor investido.

5. Para a vida inteira: Consórcio

Quem não tem disciplina para economizar e ainda assim quer investir em algo, entre os investimentos para 2021, o melhor é o consórcio. Com ele, é possível aumentar o patrimônio sem precisar ter um bom capital inicial.

Por mais que esse produto seja indicado para quem quer comprar um bem material ou serviço, é possível ainda resgatar o valor da carta de crédito em dinheiro. Ou seja, não precisa comprar algo atrelado ao objetivo inicial do grupo.

Entre os principais benefícios de um consórcio, estão:

  • Ausência de entrada;
  • Poder de compra garantido;
  • Não tem juros;
  • Possibilidade de usar o FGTS para liquidar ou amortizar o saldo devedor;

 

Quando saber quais são os melhores investimentos para 2021 para você? 

Primeiro avalie quais são os seus objetivos e se eles são de curto, médio e longo prazo. 

Em seguida, leve em consideração qual é o seu perfil de investidor, ou seja, se prefere ter mais segurança ou preza por rentabilidade.

Agora, se o seu objetivo é escolher investimentos para 2021 para comprar um carro ou um imóvel, o consórcio é o mais indicado. 

Com essa modalidade, não existe risco de perder dinheiro e você ainda consegue se organizar para pagar as parcelas mensalmente.

Neste caso, fale com um dos representantes do Grupo Capital e conheça os planos que se encaixam no seu objetivo.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *